Festa infantil com afeto e peças artesanais

Festa infantil com afeto e peças artesanais

Festa infantil carrega um significado super especial, para os pais e para a criança. É um dia de celebração, de alegrias e de reunir gente querida. Tem que ter muito afeto. E artesanato também!

A tendência agora é buscar algo intimista, com jeitinho de feito em casa. Nada de buffets infantis, com suas luzes artificiais, brinquedos eletrônicos e hora marcada — para começar, para cantar parabéns e para terminar a festa.

Decoração artesanal para festa infantil feita pela Festinhas Manuais (crédito da foto: Festinhas Manuais)

Decoração com toque artesanal para festa infantil feita pela Festinhas Manuais (crédito da foto: reprodução Facebook Festinhas Manuais)

Remando contra a maré e encabeçando esse movimento de volta às origens das festinhas, estão empresas com ideias empreendedoras supercriativas: aluguel de peças artesanais para festa infantil. Uma oportunidade de negócio para os artesãos de plantão, sempre antenados e em busca de inspiração.

Ideia de negócio interessante para quem faz artesanato

É possível tanto vender a decoração completa, produzida por você, como confeccionar peças exclusivas para empresas que prestam esse serviço. Vale criar esculturas em papel, utilizar a técnica do scrap festa, fazer peças decorativas em feltro, decoração de festa com Silhouette, E.V.A e até reaproveitar o que você tem em casa.

Canudinhos viram enfeite de parede feitos pela Festinhas Manuais (crédito da foto: reprodução Instagram Festinhas Manuais)

Exemplo de reaproveitamento: canudinhos viram enfeite de parede feitos pela Festinhas Manuais (crédito da foto: reprodução Instagram Festinhas Manuais)

Colcha vira móbile para decorar festa infantil da Festinhas Manuais (crédito da foto: reprodução Instagram Festinhas Manuais)

Colcha vira móbile para decorar festa infantil da Festinhas Manuais (crédito da foto: reprodução Instagram Festinhas Manuais)

Artesanato ganha força na decoração de festa infantil

Lilian Ruas, da Tribo da Festa Comemorações

Lilian Ruas, da Tribo da Festa Comemorações

Lilian Ruas é proprietária e idealizadora da Tribo da Festa Comemorações, empresa que atua no mercado há 15 anos fazendo festas originais.

Ela ministra cursos voltados à área de festa infantil para pessoas que gostam de organizar suas comemorações, decoradores e interessados em atuar nessa área. Possui uma página no Facebook com dicas de produtos e serviços para festas, e um canal no YouTube “Dicas para Festeiras”. Lilian garante:

Artesanato é algo que superfunciona nas mesas com a proposta atual

Peças em feltro ganham destaque na mesa decorada por Lilian Ruas, da Tribo da festa (crédito da foto: reprodução do site Tribo das Festas)

Peças em feltro ganham destaque na mesa decorada por Lilian Ruas, da Tribo da festa (crédito da foto: Tribo da Festa)

Mesa decorada por Lilian Ruas, da Tribo da Festa (crédito da foto: reprodução site Tribo da Festa)

Mesa decorada por Lilian Ruas, da Tribo da Festa (crédito da foto: Tribo da Festa)

Para Lilian, o barato é misturar o artesanal com objetos de pegada mais moderna. “Peças em feltro, forração de caixas e crochê, que é a última moda”, afirma.

O importante é desenvolver coisas diferentes com artesanato e criatividade

“Festa na caixa”

“Mesmo com o país em crise, o povo brasileiro é muito festeiro. A festa vai acontecer de qualquer forma. É preciso ver a crise como oportunidade”, diz Lilian. Sua empresa oferece o serviço de “festa na caixa”, em que aluga itens para que os pais montem a festa como quiserem, em casa. Além disso, também organiza e monta a decoração de festas totalmente personalizadas.

Detalhe da mesa decorada por Lilian Ruas da Tribo da Festa (crédito da foto: reprodução Facebook Tribo da Festa)

Detalhe da mesa decorada por Lilian Ruas da Tribo da Festa (crédito da foto: Tribo da Festa)

Lilian tem uma equipe para produzir materiais artesanais utilizados na decoração das festas e também conta com parceiras, que fazem trabalhos sob demanda.

Tudo é pensado com muito carinho pela "festeira" Lilian Ruas (crédito da foto: Tribo da Festa)

Tudo é pensado com muito carinho pela “festeira” Lilian Ruas (crédito da foto: Tribo da Festa)

Festa infantil feita à mão com o coração

As empreendedoras Ana Laura Castro e Mariana Duarte viram sua vida ganhar novo sentido com a chegada dos filhos.

Mari, com Caetano, e Ana, com José, empreendedoras criativas da Festinhas Manuais (crédito da foto: Festinhas Manuais)

Mari, com Caetano, e Ana, com José, empreendedoras criativas da Festinhas Manuais (crédito da foto: reprodução Facebook Festinhas Manuais)

Depois do nascimento de José, filho da Ana, e Caetano, filho da Mari, nasceu também a empresa Festinhas Manuais, que aluga peças e faz decoração de festa infantil. Ana batizou essa onda de “festas afetivas”. Ela explica:

Para a gente tem um significado: celebrar a vida. E só faz sentido se a criança e a família participarem dessa festa. Não é só o aluguel do objeto em si, a gente constrói a festa com a pessoa

A Festinhas Manuais aluga peças prontas para as comemorações e investe também na montagem da decoração da festa, feita com toque artesanal. A empresa aluga desde tendinhas, grama artificial até kits de brinquedos antigos. Também produzem algumas peças com a ajuda da mãe da Mari, que é uma costureira de mão cheia, tudo super customizado e pensado para cada comemoração.

Da imaginação à realidade: tudo começa com um desenho nas mãos de Ana e Mari (crédito da foto: Festinhas Manuais)

Tudo começa com um desenho nas mãos de Ana e Mari. Da imaginação…. (crédito da foto: reprodução Facebook Festinhas Manuais)

... à realidade: decoração feita à mão com o coração (crédito da foto: Festinhas Manuais)

… à realidade: decoração feita à mão com o coração (crédito da foto: reprodução Facebook Festinhas Manuais)

Para a elaboração da festa infantil, elas solicitam aos pais que enviem três objetos que representem a criança. A partir daí surge o conceito da festa e são criados convites totalmente artesanais, molduras de crochê, bandeirinhas, enfeites e lembrancinhas customizadas. A educadora Ana e a estilista Mari, uniram o conceito do que acreditam ser cuidado com a criança a algo esteticamente charmoso e muito bonito.

Lembrancinha da Festinhas Manuais feita de papelão: artesanato e sustentabilidade (crédito da foto: Festinhas Manuais)

Lembrancinha da Festinhas Manuais feita de papelão: artesanato e sustentabilidade (crédito da foto: reprodução Facebook Festinhas Manuais)

Mesa decorada pelas meninas da Festinhas Manuais: objetos pessoais são o ponto de partida (crédito da foto: Festinhas Manuais)

Mesa decorada pelas meninas da Festinhas Manuais: objetos pessoais são o ponto de partida (crédito da foto: reprodução Facebook Festinhas Manuais)

A dupla percebeu a tendência de voltar para o feito em casa, pelo olhar do não-consumo e da busca pelo significado. E sabem que, bem ao lado dessa tendência, estão a falta de tempo e disponibilidade. Ana explica:

Quem nos procura tem afinidade com o conceito, mas não tem tempo. Por isso acredito que quem tiver criatividade, talento e propósito tem um mercado grande a explorar

Para vender a ideia das “festas afetivas”, a Festinhas Manuais está presente no Facebook e Instagram, onde publicam fotos de seus trabalhos. Enviam, a quem solicita um orçamento, uma apresentação em PDF com fotos, na qual explicam o conceito da Festinhas Manuais, e os valores. “Recebemos de sete a oito pedidos de orçamento por dia, em média. Desses, uns quatro fecham negócio. Já temos festa agendada para 2017”, comemora Ana.

O toque artesanal que aparece nas festas feitas por Ana e Mari completa o conceito que elas defendem:

Só dá certo pois é feito com o coração, com propósito

Convites feitos totalmente de forma artesanal pela Festinhas Manuais (crédito da foto: Festinhas Manuais)

Convites feitos totalmente de forma artesanal pela Festinhas Manuais (crédito da foto: reprodução Instagram Festinhas Manuais)

E olha a bonequinha como ficou linda finalizada e dentro da caixinha! (crédito da foto: reprodução Instagram Festinhas Manuais)

E olha a bonequinha como ficou linda finalizada e dentro da caixinha! (crédito da foto: reprodução Instagram Festinhas Manuais)

Locação de peças artesanais

Ricardo Anbar reformulou seu negócio, o Mãe Me Quer Ateliê. A empresa, que confecciona pijamas personalizados, percebeu o crescimento das festas feitas em casa e aproveitou a oportunidade. Passou então a alugar cabanas feitas artesanalmente por eles para festa infantil, além de toda a estrutura decorativa com o conceito de festas do pijama. “As pessoas querem voltar a ter festas como as que a gente tinha quando éramos pequenos, com todo mundo junto, comendo pipoca e dormindo no chão da sala”, conta Ricardo.

Aluguel de cabaninhas para festa infantil feito pelo Mãe Me Quer Ateliê (crédito da foto: reprodução site Mãe Me Quer Ateliê)

Aluguel de cabaninhas para festa infantil feito pelo Mãe Me Quer Ateliê (crédito da foto: reprodução site Mãe Me Quer Ateliê)

Além de escolher materiais de ótima qualidade e garantir acabamento perfeito às peças que produz, o empresário vende a praticidade de fazer festa em casa com tudo lindo e pensado para a criança. E o “controle de qualidade” das peças produzidas pelo Mãe Me Quer é feito em casa, com as filhas de Ricardo, Marina, 9 anos, e Mila, de 13 anos.

Os temas são variados: festa de menina, viagem ao espaço, camuflada, neon, princesa. “E estamos trabalhando em novas ideias, mas ainda é surpresa!”, diz Ricardo. Além das cabaninhas, o Mãe Me Quer criou um foodtruck, que é usado para servir as comidinhas na festa do pijama. Uma graça!

Olha o foodtruckzinho usado para servir os comes e bebes na festa do pijama do Mãe Me Quer (crédito da foto: Mãe Me Quer Ateliê)

Olha o foodtruckzinho usado para servir os comes e bebes na festa do pijama do Mãe Me Quer (crédito da foto: Mãe Me Quer Ateliê)

O casal de apresentadores Rodrigo Faro e Vera Viel comemorou o aniversário das filhas Clara, de 10 anos, e Maria, de 7 anos. A família vestiu pijamas e entrou no clima. A criançada adorou as cabaninhas, até a pequenina Helena, de 2 anos.

Vera Viel e Rodrigo Faro com as filhas: festa do pijama produzida pelo Mãe Me Quer (crédito da foto: reprodução Instagram)

Vera Viel e Rodrigo Faro com as filhas: festa do pijama produzida pelo Mãe Me Quer (crédito da foto: reprodução Instagram)

Cabaninhas feitas artesanalmente pelo Mãe Me Quer Ateliê (crédito da foto: reprodução Instagram)

Cabaninhas feitas artesanalmente pelo Mãe Me Quer Ateliê (crédito da foto: reprodução Instagram)

Rodrigo Faro e Vera Viel na festa do pijama com a criançada, tudo produzido pelo Mãe Me Quer (crédito da foto: reprodução Instagram)

Rodrigo Faro e Vera Viel na festa do pijama com a criançada, tudo produzido pelo Mãe Me Quer (crédito da foto: reprodução Instagram / Kátia Rocha)

Mercado de festa infantil

Neste vídeo, a organizadora de festas Cristiana Prado explica que uma festa fica rica se houver mistura de materiais. E o artesanato é perfeito para entrar nessa combinação. Cristiana diz:

As artesãs, seja qual for o material que elas utilizam, podem fornecer para decoradores

Para ela, é impossível trabalhar com festas sem estabelecer parcerias. Veja o vídeo:

Para finalizar e encorajar você a entrar de vez nesse mercado de festa infantil, a Lilian Ruas separou 5 super dicas para organizar a festa perfeita.

5 dicas para organizar a festa infantil perfeita, por Lilian Ruas:

  1. Mergulhe nesse universo da festa infantil. Conheça o mercado, participe de grupos na internet.
  2. Pesquise e estude muito as tendências. Guarde as fotos de inspirações e de decoração que você gosta, de acordo com cada tema
  3. Monte um projeto com o seu DNA, com a sua assinatura. Não vale copiar!
  4. Surpreenda seus convidados. Tenha criatividade para desenvolver produtos baratos, mas que, com um toque super especial, você pode cobrar o preço que quiser
  5. Antes de tudo, converse com seu cliente, ouça muito. Festa é sonho. Você vai trabalhar com a expectativa da pessoa

Gostou da ideia de montar seu negócio de festa infantil artesanal? Seja ao produzir peças para alugar, fornecer suas criações para organizadores de festas ou investir decoração como um todo, esse é um mercado com grande potencial para quem faz artesanato. Conta sua história pra gente aqui nos comentários!

Novidades
  • Facebook

  • Novidades e-mail

Sobre

eduK

Posts Relacionados
10 comentários
  • Daniele

    julho 8th, 2015 21:25

    Fiz TODA a decoração da festa de 1 ano da minha filha. Ficou linda. Foi um sucesso. E agora estou fazendo TODA a decoração da festa de 2 anos.

    Responder
    • Cristina Luckner

      julho 9th, 2015 11:54

      Oi Daniele, que legal! Você é artesã? Que materiais e tema usou para fazer a decoração da festa da sua filha? Conta pra gente!

      Responder
    • Daniele

      julho 9th, 2015 15:11

      Sim, Cristina. Sou crafter. Uso todo tipo de material, mas gosto mesmo de tecidos. O tema da segunda festa vai ser "botões" em cores candy colors. Estou personalizando e criando absolutamente tudo. Os convites foram feitos em carreteis artesanais que eu mesma criei. Me preocupo em fazer desde a toalha da mesa dos convidados até o bolo fake (em tecido e bem diferente desses que a gente encontra por aí) . O resultado é fantástico porque apesar de ser uma festa pequena, cada cantinho é pensado e feito com muito carinho.

      Responder
      • Cristina Luckner

        julho 13th, 2015 12:41

        Oi Daniele, que legal. Adorei conhecer um pouco mais da sua história! Parabéns pela criatividade e pelo empenho e fazer tudo de forma tão bacana! Volte sempre aqui para nos contar suas criações desse mundo craft que a gente ama!

        Responder
  • Ricardo Augusto

    julho 11th, 2015 16:12

    amei

    Responder
  • Tamara Torresan Brunhera

    junho 16th, 2016 16:30

    Amei o blog, comecei com a festa do meu casamento. Fiz toda a decoracão, inclusive os convites e lembrancinhas. Depois foi a festa de 1 ano do meu bebe, fiz a mesa do bolo e já estou pensando na de 2 anos. Mas comprei tanto material pra artesanato que estou morrendo de vontade de trabalhar com isso. E não sei por onde começar e nem o que fazer. Hehehhe

    Responder
  • Gabriela

    setembro 29th, 2017 10:47

    Gente, quem desenvolveu e lançou a tendência Festas Afetivas foi a decoradora Tathyana Abreu!Pesquisem! Crédito a quem merece crédito!

    Responder
  • Gabriela

    setembro 29th, 2017 10:52

    Gente,quem desenvolveu e lançou a tendência das Festas Afetivas foi a decoradora Tathyana Abreu!!!! Pesquisem! Crédito a quem têm crédito! Outras decoradoras, como eu, abraçaram a causa, agora dizer que foram outras pessoas que "batizaram" ou inventaram é passar informação errada.

    Responder

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *