Guia básico de encadernação: por onde começar

Guia básico de encadernação: por onde começar

A gente viu aqui no blog que a encadernação é uma arte milenar que está com tudo hoje em dia. A tendência por valorizar o que é feito a mão só cresce e a encadernação faz um papel forte nesta revolução. Para você que acabou de conhecer este meditativo exercício artesanal, preparamos este guia básico de encadernação para você descobrir exatamente por onde começar.

Ferramentas mais usadas na encadernação:

[su_divider top=”no” style=”dotted” size=”1″][su_divider style=”dotted” size=”2″][/su_divider]

[su_row][su_column size=”1/2″]Agulhão ou ferramenta auxiliar: O agulhão serve para perfurar o miolo dos cadernos, além das capas, dependendo do tipo de costura que você estiver fazendo. Os furos feitos com o agulhão são iguais em tamanho. Se a costura for aparente, isso harmoniza o visual final dos cadernos, além de facilitar a passagem da agulha e a linha na hora de costurar. [/su_column] [su_column size=”1/2″]

Agulhão ou ferramenta auxiliar de costura. Ferramenta básica para a encadernação (reprodução do sute: scrapstore)

Agulhão ou ferramenta auxiliar de costura. Ferramenta básica para a encadernação (reprodução do sute: scrapstore)

[/su_column] [/su_row]

[su_divider top=”no” style=”dotted” size=”1″][su_divider style=”dotted” size=”2″][/su_divider]

[su_row][su_column size=”1/2″]Base de EVA: A base de EVA é uma ferramenta comum para quem está começando a fazer encadernação. Ela serve como base na hora de perfurar os cadernos ou folhas e evitar estragar a mesa (ou o dedo)! [/su_column] [su_column size=”1/2″]

Tábua de E.V.A para usar como base na encadernação

Tábua de E.V.A para usar como base na encadernação

[/su_column] [/su_row]

[su_divider top=”no” style=”dotted” size=”1″][su_divider style=”dotted” size=”2″][/su_divider]

[su_row][su_column size=”1/2″]Agulha: Objeto fundamental da encadernação, existem vários tipos diferentes de agulhas mas são poucas as que podem ser usadas para esta arte. Você pode encontrar agulhas curvas, retas sem ponta e de vários tamanhos diferentes. [/su_column] [su_column size=”1/2″]

agulhas para encadernação (reprodução do site: badgerandchirp)

agulhas para encadernação (reprodução do site: badgerandchirp)

[/su_column] [/su_row]

[su_divider top=”no” style=”dotted” size=”1″][su_divider style=”dotted” size=”2″][/su_divider]

[su_row][su_column size=”1/2″]Berço de encadernação: Para quem começa a produzir muitos cadernos, o berço é uma ferramenta necessária e básica. Esta ferramenta garante perfeição, que os furos sejam feitos em linha reta e o formato da ferramenta faz a tarefa ser fácil e rápida.  [/su_column] [su_column size=”1/2″]

Berço e gabarito para encadernação (reprodução do site: corrupiola)

Berço e gabarito para encadernação (reprodução do site: corrupiola)

[/su_column] [/su_row]

[su_divider top=”no” style=”dotted” size=”1″][su_divider style=”dotted” size=”2″][/su_divider]

[su_row][su_column size=”1/2″]Vincador: A espátula ou vincador tem várias funções. Ajuda a fazer melhor as dobras do papel ou “vincar” o papel, como seria a palavra certa, para termos linhas retas e garantir uma costura certa. Ajuda a eliminar bolhas, na hora de colar tecido ou papel ao papelão das capas de livros e cadernos.[/su_column] [su_column size=”1/2″]

Espátula de encadernação ou vincador

Espátula de encadernação ou vincador

[/su_column] [/su_row]

[su_divider top=”no” style=”dotted” size=”1″][su_divider style=”dotted” size=”2″][/su_divider]

[su_row][su_column size=”1/2″]Estilete: ferramenta mais do que comum para inúmeras atividades. O estilete é preferível às tesouras na encadernação pois as linhas devem ser retas. O estilete permite cortar grandes quantidades de papel, além de espessuras diferentes e seu uso, junto com o de uma régua, garante perfeição de cortes e linhas.[/su_column] [su_column size=”1/2″]

Estilete, ferramenta básica para a encadernação (reprodução do site: normaestiletes)

Estilete, ferramenta básica para a encadernação (reprodução do site: normaestiletes)

[/su_column] [/su_row]

 

Materiais básicos para a encadernação

[su_divider top=”no” style=”dotted” size=”1″][su_divider style=”dotted” size=”2″][/su_divider]

[su_row][su_column size=”1/2″]Linha: Na encadernação, é fundamental que a linha seja encerada. Ela desliza mais fácil nos furos dos cadernos e de quebra é mais difícil que você acabe costurando a linha quando precisar voltar em algum furo do caderno. [/su_column] [su_column size=”1/2″]

tipos de linha encerada diferentes (reprodução do site: encadern-arte)

Tipos de linha encerada diferentes (reprodução do site: encadern-arte)

[/su_column] [/su_row]

[su_divider top=”no” style=”dotted” size=”1″][su_divider style=”dotted” size=”2″][/su_divider]

[su_row][su_column size=”1/2″]Papel: É aqui que você faz a festa. Você pode usar qualquer tipo de papel, gramatura, cor, textura. Brinque de acordo com o uso que você for dar ao seu caderno ou livro. Mas para quem quer começar a costurar cadernos básicos, papel pólen de gramatura 75 é ótimo.

[/su_column] [su_column size=”1/2″]

papeis de diferentes cores e gramaturas (reprodução do site: smartpress)

Papeis de diferentes cores e gramaturas (reprodução do site: smartpress)

[/su_column] [/su_row]

[su_divider top=”no” style=”dotted” size=”1″][su_divider style=”dotted” size=”2″][/su_divider]

[su_row][su_column size=”1/2″]Papelão cinza ou Holler: Para conseguir a capa dura de um caderno, a base é geralmente um papelão cinza. Existem em várias gramaturas diferentes e você pode escolher de acordo com o projeto que você estiver planejando. O papelão geralmente será coberto com papeis coloridos ou com tecido para construir a capa. [/su_column] [su_column size=”1/2″]

Papelão cinza ou holler (reprodução do site: paper-models)

Papelão cinza ou holler (reprodução do site: paper-models)

[/su_column] [/su_row]

 

Termos comuns na encadernação

[su_tabs active=”1″ vertical=”yes”][su_tab title=”Vincar”]Vincar é a ação de dobrar um papel ou material numa linha para permitir que ele faça uma dobra perfeita. Geralmente se usa uma superfície lisa e com bordas suaves para vincar o papel para evitar cortá-lo ou estragá-lo.[/su_tab] [su_tab title=”Refilar”]Refilar é cortar sobras ou margens de um material para obter linhas retas nas suas bordas ou remover o excesso de tecido ou papel.[/su_tab] [su_tab title=”Prensar”]Na encadernação, quando se cola materiais que precisam estar perfeitamente grudados, sem bolhas ou defeitos, usamos uma prensa para assegurar os materiais enquanto secam. Para prensar livros ou cadernos, você pode usar qualquer peso, enquanto seja distribuído equitativamente.[/su_tab][/su_tabs]

Estilos mais comuns de costuras

[su_divider top=”no” style=”dotted” divider_color=”#ffffff” link_color=”#ffffff” size=”1″ margin=”10″][su_divider top=”no” style=”dotted” divider_color=”#9f9f9f” link_color=”#ffffff” size=”1″ margin=”15″][su_divider style=”dotted” size=”2″][/su_divider]

Copta

Costura copta com capa de couro (crédito da foto: zoopress studio - flickr)

Costura copta com capa de couro (crédito da foto: zoopress studio – flickr)

Esta costura é caraterizada pelo efeito de uma corrente ou trança que vai de capa a capa em cada ponto feito. Existem muitas variações e jeitos de fazer a costura como, por exemplo, usando duas linhas de cores diferentes (copta etíope) ou fazendo pontos desalinhados nos cadernos, criando ilusão de flechas.

[su_divider top=”no” style=”dotted” divider_color=”#ffffff” link_color=”#ffffff” size=”1″ margin=”10″][su_divider top=”no” style=”dotted” divider_color=”#9f9f9f” link_color=”#ffffff” size=”1″ margin=”10″][su_divider style=”dotted” size=”2″][/su_divider]

Borboleta

Costura borboleta em um album de fotos de capa dura (crédito da foto: Andrea Amaral)

Costura borboleta em um album de fotos de capa dura (crédito da foto: Andrea Amaral)

A costura borboleta é provavelmente uma das mais simples que existem na costura de cadernos. Ela vai e volta em cada um dos pontos até passar por todos eles duas vezes para fazer um nó por caderno ou fólio.

Nesta mini reinvenção da costura borboleta, a Dani criou uma flecha na lombada

Nesta mini reinvenção da costura borboleta, a Dani criou uma flecha na lombada

[su_divider top=”no” style=”dotted” divider_color=”#ffffff” link_color=”#ffffff” size=”1″ margin=”10″][su_divider top=”no” style=”dotted” divider_color=”#9f9f9f” link_color=”#ffffff” size=”1″ margin=”10″][su_divider style=”dotted” size=”2″][/su_divider]

Costura francesa

Costura francesa no caderno de cima e de baixo (crédito da foto: Rosa Guimarães)

Costura francesa no caderno de cima e no de baixo (crédito da foto: Rosa Guimarães)

A costura francesa é parecida com a copta nos seus lados, mas o seu traço caraterístico é no meio, onde você cria uma brincadeira com as linhas entre os cadernos que, de quebra, os segura melhor uns nos outros.

Correntinha

Costura de correntinha em livro de capa dura com três cadernos internos (crédito da foto: o velho chico)

Costura de correntinha em livro de capa dura com três cadernos internos (crédito da foto: o velho chico)

A correntinha é uma das costuras mais fáceis de fazer. Você costura um caderno por vez finalizando cada um com um nó. Ela é indicada para começar a costurar pela sua simplicidade e geralmente fica visível na capa. Ela pode ser adaptada e reinventada como outras costuras. Na foto abaixo você pode ver a torção que a Dani fez no seu caderno de viagens e como ficou uma graça esse pequeno detalhe.

Costura correntinha torcida feita pela Danieli Barbara no seu curso Encadernação: livros e cadernos para presente

Costura correntinha torcida feita pela Danieli Barbara no seu curso Encadernação: livros e cadernos para presente

Se convenceu? Vamos começar a costurar cadernos? Faça os seus e mande as fotos para a gente com as hashtags #euquefiz #eduK #ArtesanatoePonto, compartilhe!

Sobre

eduK

Posts Relacionados
5 comentários
  • Andréa Maria Monteiro de Carvalho

    dezembro 26th, 2015 12:50

    Danieli Barbara sempre inovando! Me apaixonei pela arte dessa professora! Obrigada, Eduk!!!

    Responder
  • Jocelia Jesus

    dezembro 28th, 2015 15:29

    esta matéria é realmente nota 10. A cada dia me apaixono mais pela encadernação. e só hoje conheci este bolg, ja salvei nos favoritos

    Responder
  • Maria Sirley Gálo Ferreira

    janeiro 3rd, 2016 22:09

    Fico encantada com essa arte, e a cada dia me apaixono mais. Obrigada Eduk, com vocês estou me realizando!

    Responder
  • Simone Cravinho

    março 3rd, 2016 21:48

    Olá acho lindo o trabalho de encadernação mas onde moro não estou achando o papelão holer, alguém conhece algum site de venda com um preço legal. Estou a procura do holer de 2,8 a 3mm

    Responder
    • Flávia Louyse Paixão Silva

      agosto 26th, 2016 21:26

      Simone eu também tinha dificuldades em achar na minha cidade, então compro material de primeira no site grafittiartes.com.br...tem produtos muito bons por la, e papelao cinza de espessuras diferentes.

      Responder

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *