Aprenda com este vídeo a decorar luzes de LED com miniflores de papel

Aprenda com este vídeo a decorar luzes de LED com miniflores de papel

Para criar uma peça, é preciso pesquisa e inspiração. Aninha Haddad, artesã especializada em decoração com papel, enfeitou essas luzes de LED com miniaturas de flores em papel, que deixam qualquer ambiente bonito e caprichado. Neste vídeo, você vai aprender a fazer essa peça com materiais que você provavelmente tem em casa. É fácil, rápido e o resultado fica incrível.
barra

“Utilizei apenas miniaturas de flores em papel e fios de luzinhas de LED (aquelas de Natal), mas poderíamos utilizar forminhas de doces, retalhos de tecido amarrados, minicopinhos descartáveis e até toalhinhas rendadas… É só usar a criatividade!”, ressalta Aninha.

Aninha Haddad é uma verdadeira artista do papel. As peças que ela desenvolve são incríveis!

Aninha Haddad é uma verdadeira artista do papel. As peças que ela desenvolve são incríveis!

Flores em papel

Essa peça de luzes de LED com miniaturas de flores em papel pode ser utilizada na decoração de uma mesa de festa, na cabeceira da cama, ao redor da moldura de um espelho ou quadro, dentro de um vidro e até na ornamentação de um estande de vendas.
barraA ideia desse passo a passo surgiu pois vimos esse mesmo cordão luminoso no estande da Aninha em uma feira de artesanato. Por isso pedimos para ela nos ensinar como fazer.
Para se destacar em feiras de artesanato, Aninha Haddad capricha nos destalhes

Para se destacar em feiras de artesanato, Aninha Haddad capricha nos destalhes

 Aninha explica:
Certamente essa peça chamou a atenção dos meus clientes, valorizando o meu produto. Quem não gosta de ver coisas bonitas?
Estand da Aninha Haddad em uma feira de artesanato: as luzes de LED feitas com miniflores de papel destacam os produtos

Estand da Aninha Haddad em uma feira de artesanato: as luzes de LED feitas com miniflores de papel destacam os produtos

Infinitas possibilidades

Aninha Haddad é professora de educação infantil e designer de papel. Para ela, sua criatividade e inspiração vêm desse mundo infantil.
barra
“Toda professora de educação infantil, precisa de muita criatividade para criar aulas didáticas e lúdicas. Só assim, conseguirá entreter seus alunos e fazer com que assimilem de forma agradável o conteúdo. Após 26 anos, ao abandonar as salas de aula por conta de um problema de coluna, minha habilidade com as mãos e o gosto pela arte, facilitaram essa transição”, explica.
Peça em papel feita por Aninha é usada como topo de bolo. Super diferente!

Peça em papel feita por Aninha é usada como topo de bolo. Super diferente!

Na hora de optar por uma área dentro do artesanato, o papel foi a escolha de Aninha. Ela conta que sempre gostou de coisas de papelaria e, principalmente, de diferentes papeis.
É incrível ver como essa matéria-prima pode ser transformada em manifestação artística e as infinitas possibilidades de produtos que se pode desenvolver
Aninha estimula aqueles que, como ela, são apaixonados por papel a se dedicarem a essa área do artesanato.
O papel é uma matéria-prima versátil, que ganha formas incríveis nas mãos de Aninha

O papel é uma matéria-prima versátil, que ganha formas incríveis nas mãos de Aninha

Na opinião dessa designer do papel, vale a pena criar peças com esse material tão acessível e rico. Principalmente com a gama de cores, texturas e estampas que temos acesso atualmente.
Com um pequeno investimento, e com muita paciência, capricho e dedicação, certamente se tornará um grande negócio. O cliente quer o “novo”, o “diferenciado”, o “personalizado”. Em tempos de crise, é necessário ser criativo. O mercado está aberto a novas possibilidades!
Uma das marcas registradas de Aninha são os quadros personalizados em escultura de papel, principalmente para porta de maternidade. A artesã acredita que esse é um momento especial para as mães e se sente feliz em fazer parte da história de cada uma.
barra
Para ela, é importante ouvir a cliente e trocar ideias, desde o primeiro contato. “Escuto seus anseios e como num passe de mágica, vem a inspiração”, conta.
Os quadros personalizados em papel são a marca registrada de Aninha. O trabalho é de uma delicadeza impressionante

Os quadros personalizados em papel são a marca registrada de Aninha. O trabalho é de uma delicadeza impressionante

Inspiração aliás, é algo que Aninha persegue — em revistas, na internet, em viagens, vitrines, cursos, feiras do ramo e até nas ruas. Ela revela:
Não hesito em sacar meu celular para fotografar algo que vejo, mesmo estando no meio da rua… vale tudo!
Essa designer de papel adora inovar e desenvolver temas que saem do convencional. “Adoro desafios”, conta. Aninha se sente privilegiada em trabalhar com o que gosta. “Saber que coloco naquela moldura o sonho de cada cliente em forma de arte de papel é algo muito especial.”
Inovar sempre: Aninha fez apliques criativos nas tradicionais bolas de papel

Inovar sempre: Aninha fez apliques criativos nas tradicionais bolas de papel e transformou a peça

Luzes de LED com miniaturas de flores em papel

Vamos aprender? Passa o PAP, aperta o play no vídeo e veja como fazer as luzes de LED com miniaturas de flores em papel.

Lista de materiais:

  • Cabo de luzes LED
  • Miniflores de papel

Passo a passo:

  1. Pegue o cordão luminoso de LED e comece enrolando o cabo de cada florzinha de papel ao lados da lâmpada
  2. Faça voltas com o cabo da flor, até enrolá-lo por inteiro na base do cordão luminoso
  3. Repita o mesmo procedimento em cada uma das lâmpadas e pronto!

Você pode usar também outros materiais, além das flores em papel, como forminhas de doces, retalhos de tecido amarrados, minicopinhos descartáveis e até toalhinhas rendadas… É só usar a criatividade!

E a sua peça, como ficou? Que tipos de enfeites você usaria para enfeitar essas luzes de LED? Você também adora trabalhar com papel? Conta pra gente nos comentários!

Sobre

eduK

Posts Relacionados
0 comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *