Fotografia de parto

4.55555555555556

Reprise gratuita em:04d : 21h : 52m : 35s

Reserve grátis seu lugar!

E receba novidades no seu e-mail.

Material complementar

1. Fotografia de parto

  • Conhecendo o expert e o conteúdo do curso
  • Burocracias hospitalares: equipe interna X fotógrafo da família
  • Burocracias hospitalares: conseguindo autorização

2. Partos normais e humanizados

  • Entendendo partos normais e humanizados – Contexto
  • Fotografando partos normais e humanizados

3. Parto cesárea

  • Entendendo o parto cesárea
  • Fotografando um nascimento de parto cesárea

4. Comportamento do fotógrafo e como encarar os principais desafios

  • Comportamento do fotógrafo
  • Principais desafios e como encará-los

Horários de exibição

  • JUN
    24
    segunda-feira
    reprise: 17:00

Sobre o curso

A fotografia de parto é o novo xodó das famílias brasileiras. Se quiser aprender tudo o que é preciso saber para começar a atuar nesse nicho, você não pode perder este curso de Daniel Freitas aqui na eduK. Depois do estrondoso sucesso da fotografia newborn, a fotografia de parto é a nova queridinha dos pais, que fazem questão de registrar o dia em que seu bebê veio ao mundo. Atuar nesse mercado demanda um grande conhecimento complementar: além de saber fotografar nesses momentos de grande emoção, é preciso conhecer toda a burocracia imposta pelos hospitais e pelas maternidades, saber como se comportar nesse momento de tamanha sensibilidade para todos os envolvidos e conhecer muito sobre cada tipo de parto. Neste curso, Daniel Freitas vai contar tudo o que aprendeu nesses 4 anos dedicados à fotografia de família e ainda vai abordar os maiores desafios desse tipo de fotografia e como você pode se preparar para eles. Não perca!
Nível Intermediário

Sobre o autor

Daniel Freitas
Daniel Freitas
Daniel Freitas nasceu em Ponte Nova, Minas Gerais, e formou-se em Ciência da Computação. Com mais de dez anos de atuação e com uma carreira consolidada na área, Daniel decidiu, em 2014, investir em um sonho: a fotografia. Desde então, a carreira só cresce. Atuando na fotografia social e de família, ele se apresenta como um fotógrafo “da família”. Defensor de uma fotografia de família menos produzida e mais humanizada, mais afetiva, Daniel tem um projeto documental denominado “24 horas”, em que passa literalmente um dia inteiro acompanhando uma família para fotografar o cotidiano dela. Desde que vive da sua paixão, Freitas conquistou muitos clientes e tem palestrado e ministrado cursos pelo Brasil e, em breve, fará isso em outros países.

Os cursos transmitidos gratuitamente não dão direito ao certificado, material complementar, chat ao vivo e avaliação final. Esses recursos estarão disponíveis apenas aos assinantes da eduK.